Como transportar bagagens no porta-malas? Confira essas 6 dicas

    08/06/2022

    Você sabe como transportar bagagens no porta-malas? Algumas dicas fazem a diferença neste momento! Confira este artigo e saiba mais:

     

    Seja no próximo feriado ou nas férias, pegar a estrada e desbravar o Brasil está entre os itens mais desejados para muitas pessoas. Entretanto, não basta colocar a família no carro e sair acelerando.

    Já compartilhamos algumas dicas importantes sobre a revisão de veículos antes de viagens em nosso site, mas agora é hora de falar sobre algo em específico: as bagagens no porta-malas.

    Engana-se quem pensa que basta colocar as bagagens no porta-malas de qualquer jeito, fechar e seguir viagem. Para garantir que a aventura ocorra bem, sem danos ou dores de cabeça, é importante seguir alguns passos.

     

    Pensando nisso, listamos 6 dicas importantes para você seguir antes de cair na estrada. Confira:

     

    Malas pesadas primeiro

    Ao encher o porta-malas deixe as malas mais grandes e pesadas embaixo, de preferência na horizontal, o mais centralizado possível e rente ao encosto do banco traseiro.

    A atitude irá colaborar para abaixar o centro de gravidade e colocar mais peso no eixo sem sacrificar a estabilidade.

     

    Mas, cuidado, transportar bagagens muito pesadas no porta-malas é perigoso

    Antes de qualquer coisa, observe a potência do carro, indicada no manual do proprietário. O número informado inclui bagagens e pessoas. Portanto, some o peso dos passageiros e das malas ou bolsas para descobrir se a soma coincide com o informado no manual.

    Vale destacar que muito peso pode estragar o seu carro (suspensão, freios, pneus), aumentar o consumo e reduzir a estabilidade e frenagem.

     

    Além disso, o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) aponta no artigo 231 que viajar com excesso de peso é uma infração média (4 pontos e R$85,13) sujeita a multa que aumenta a cada 200 kg (variação de R$5,32 a R$53,20).

     

    Preencha os espaços para transportar bagagens no porta-malas

    Colocar malas maleáveis e mochilas em cima e nas laterais, fechando espaços vazios entre as malas faz toda a diferença. Vai levar peças pequenas? Opte por caixas organizadoras e evite colocar objetos frágeis ao lado ou sob malas pesadas.

    Ainda existem lacunas? Coloque pequenos volumes, sacolas e sapatos para que possam acomodar as malas maiores e evitar que se movam durante a viagem.

     

    Limites foram feitos para serem seguidos

    Tem um SUV, hatch ou perua? Então, nem pense em remover a tampa do porta-malas para encher de coisas até o teto. Além de prejudicar a visão do motorista, a atitude, em caso de colisão ou freada brusca, pode ferir passageiros.

     

    Cuidado com a velocidade ao transportar bagagens no porta-malas

    Uma informação muito importante: a uma velocidade de 80 km/h, o peso de objetos soltos no carro aumenta em até 80 vezes. Ou seja, em caso de acidentes, um simples e pequeno objeto pode causar ferimentos graves aos passageiros. Portanto, atenção e cuidado a este quesito ao transportar bagagens no porta-malas.

     

    Não coube toda a bagagem no porta-malas, e agora?

    Um rack no teto é capaz de resolver o problema! Entretanto, neste momento, uma dica é escolher por bagageiros homologados pela marca do seu veículo, para evitar qualquer contratempo.

    Assim, concentre os objetos pesados no centro e os fixe de maneira firme, seguindo o manual de instruções. Vale destacar que a bagagem não pode ultrapassar os 50 cm de altura a partir do teto, com exceção de bicicletas. Além disso, de largura, não pode ultrapassar a margem do carro, com risco de multa de 5 pontos e R$127,69.

     

    Enfim, agora que você sabe a forma certa de transportar bagagens no porta-malas, é só colocar o pé na estrada. Siga nossas dicas e, em caso de dúvidas, conte com a PMZ!