Sapata de freio: como detectar os principais problemas?

Como descobrir a amperagem da sua bateria?
28 de agosto de 2019

Sapata de freio: como detectar os principais problemas?

A sapata de freio é parte fundamental no sistema de freio a tambor. Apesar de existirem tecnologias mais recentes, essa ainda é uma das mais utilizadas nos carros.

Entender o que é a sapata de freio e como ela funciona é muito importante. Você além de aprender mais sobre a peça, descobre quando é necessário trocar, quando ela está desgastada ou quando apresenta qualquer outro problema.

Mas ainda assim, as dúvidas surgem. Por isso, resolvemos criar um post completo com todas as informações sobre os principais problemas que surgem nas sapatas de freio e como você fará para detectá-los, antes de danificar outras peças do seu carro. Confira.

O que é uma sapata de freio?

A sapata de freio são duas pequenas peças do freio a tambor, que exercem pressão sobre a força recebida do cilindro de roda.

Quando você pisa no freio, o cilindro age pressionando as duas sapatas sobre a lona e contra o tambor. Isso gera uma força de atrito que faz o pneu desacelerar.

Quando as sapatas de freio estão desgastadas, consequentemente, o carro perde força de frenagem. Por isso a importância de saber identificar os problemas com a peça.

Como detectar os principais problemas na sapata de freio?

O primeiro sinal que a sapata de freio está com problemas é a frenagem. Todo carro tem um tempo médio de desaceleração e você precisa conhecer o do seu modelo. Geralmente essa informação está no manual do fabricante. Caso você não o tenha mais, basta ir ate o site e conferir os dados.

Ruídos também passam a ser frequentes. Eles acontecem porque no momento da força de atrito, caso a peça esteja desgastada, ela “arranha” a lona do freio. Isso também ocasiona vibrações no veículo, que são bem perceptíveis.

Manutenção preventiva: como não ter problema com a sapata de freio?

Todas as peças do seu carro possuem vida útil. A melhor forma de evitar problemas é conhecer esses prazos.

As informações mais importantes sobre o seu veículo estão no manual do fabricante. Em média, uma sapata de freio roda 30 mil quilômetros até começar a apresentar os primeiros danos. Claro que agentes externos, como a usabilidade do veículo, contribuem bastante. Se você, por exemplo, é daqueles motoristas que se descuida com buracos, certamente as peças do veículo terão uma vida útil menor.

Então consulte o manual do fabricante, veja qual a quilometragem média para troca da sapata de freio e faça a substituição exatamente neste tempo. É importante também realizar a manutenção preventiva do veículo pelo menos a cada seis meses.

Uma maneira de fazer todo o seu sistema de freio a tambor durar é nunca utilizar peças de má qualidade ou que não sejam a do modelo do seu carro.

Agora que você já sabe como evitar problemas com a sapata de freio do seu veículo, não precisa mais correr riscos! E se ficou alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários que nos respondemos!

Para receber dicas ou ofertas só clicar AQUI!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *